Terça, 26 de Janeiro de 2021 20:41
(37)99924-8617
Esportes Mais reforços

Sette Câmara garante mais reforços: ‘Ainda não encerramos o ciclo de contratações no Atlético’

Em entrevista à Itatiaia após a conquista do Mineiro, presidente atleticano admitiu que o time precisa ser encorpado para lutar pelo Brasileirão

31/08/2020 10h55
Por: TVI (MTB 0020533/MG) Fonte: Rádio Itatiaia
Pedro Souza / Atlético
Pedro Souza / Atlético

Após conquistar o primeiro título como presidente do Atlético, Sérgio Sette Câmara não quer parar apenas no Campeonato Mineiro. Com o objetivo de ser campeão brasileiro, o mandatário alvinegro admitiu, em entrevista à Itatiaia, que o time ainda precisa de reforços e que virão mais por aí. 

“Eu acredito que o time que nós montamos é muito bom, mas ele ainda precisa de reforços e nós vamos buscá-los. Então, se a torcida queria ouvir isso, eu estou dizendo com todas as letras: nós ainda não encerramos o ciclo de contratações no Atlético”, garantiu.

Sette Câmara quer atender aos pedidos do técnico Jorge Sampaoli, que tem feito, insistentemente, solicitações para encorpar o elenco visando à luta pelo título nacional. O presidente se mostrou disposto a trazer mais jogadores para acrescentar qualidade à equipe. “Buscando mais alguns reforços pontuais nós vamos montar realmente um time que pode brigar pelo título brasileiro”, frisou.

Neste ano, o Galo investiu quase R$ 140 milhões em contratações. Quase todo o dinheiro veio do empresário Rubens Menin, fundador da MRV Engenharia que patrocina o clube. 

Foram 13 contratações em 2020, sendo oito durante a pandemia do novo coronavírus para atender aos desejos de Sampaoli. Vieram o lateral-direito Mariano, os zagueiros Bueno e Junior Alonso, os volantes Léo Sena e Alan Franco, além dos atacantes Keno, Marrony e Eduardo Sasha.

“Acho que todas as contratações que foram feitas até o momento vão trazer retorno técnico. E a grande maioria, principalmente de jogadores mais novos, vai trazer um retorno financeiro que vai justificar até mesmo (as contratações) daqueles jogadores mais experientes que, muitas vezes, não se consegue fazer uma revenda, mas que são importantes para trazer, como diz o Sampaoli, hierarquia para o clube. Não podemos fazer um time só de jovens, precisamos ter um ou outro jogador mais cascudo para quando a coisa pegar fogo. Vejo isso no Réver, no Alonso, no Keno e no próprio Tardelli, que infelizmente se machucou, mas que vai voltar, se Deus quiser, ainda neste campeonato”, frisou.

De acordo com Sette Câmara, as contratações serão feitas para agregar qualidade ao time, mas pensando em uma venda futura, dando a entender que serão trazidos atletas jovens e com potencial.

“É claro que, em um momento de dificuldade financeira, tem que ser feito com muita calma porque nós temos que trazer jogadores que possam vir para nos trazer qualidade técnica, em um primeiro momento, mas que depois também possam resultar em um retorno financeiro para o clube”, finalizou.

 

 
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias